Quem nos quer

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

O SIM ERRADO

...As palavras logo surtiram efeito...
Ela disse sim.
Seu estômago se encheu de borboletas, sentiu náuseas, ia vomitar.
Pôs a mão no peito, palpitações...
No caminho para casa repetia em varias entonações aquela palavra maldita:
- sim, sim, SIM, siiiiiim, oh meu Deus, não.
Não poderia ser verdade. Ah como ele queria estar sonhando. Um pesadelo. Uma realidade paralela...

Quando se casaram não havia sonhos, nem planos nem esperanças. O fato foi apenas consumado pois já havia a certeza do juntos para sempre desde sempre. Sempre se conheceram, sempre se amaram, mesmo quando amaram outras pessoas, mesmo antes de seu primeiro encontro naquela tarde de verão.
Ela disse sim.
Ele sabia que ela diria. Teve a certeza ao ler o bilhete frio:
"Precisamos conversar".
Teve certeza antes, naquela noite, ela chegou embriagada, falando alto, chutando o gato..
Teve certeza meses antes, naquele café, onde eles sempre tomavam cappuccino no final da tarde. Naquela tarde ela não quis ficar. Não pediu cappuccino, tomou um chocolate e partiu.
Foi naquele instante que a pergunta começou a se formular em sua mente:
"Você me trai?", ela respondeu...

7 comentários:

Marcelo disse...

delicia de texto. você sempre me prendeu com sua narrativa Bia, não perca esse dom.
beijos

Por que você faz poema? disse...

Entre o sim e o não
escolho sempre a verdade.

Raissa Guilhon disse...

Opa. Obrigada pela visita ao meu blog e por seguir. Já estou te seguindo tb. abraços

Dil Santos disse...

Bia menina, vc tá bem?
Gente, tá sumida mesmo, rsrs.
Eu adoro essas histórias suas, acho-as fantásticas, dá uma vontade de saber o que vai acontecer, rsrs.
Brigado meninas pelas felicitações, foi muito bom ter vc lá de novo viu? rs
Desculpa a demora em responder, mas eu tava num correria esses dias.
Bjo menina

A.S. disse...

Bia,

Deixaste grandes expectativas! Espero ansioso pela continuação da narrativa!

Beijos meus,
AL

Louco e Polemico disse...

Olá... obrigado pela visita.
Estou meio ausente, pois estou fazendo um curso que está me tomando o tempo.
valeu... abração

Augusto Dias disse...

Você é surpreendente mulher!!!
Estou cheio de orgulho...rsrsrs!!!

Adorei!